Afrodescendentes Online

Pergunta:
Boa tarde! Sou uma religiosa católica e professora de Ensino Religioso. Faço sempre com meus alunos do Ensino Médio um seminário sobre as Religiões e gostaria de inserir o Candomblé ou a Umbanda entre os temas. Vocês poderiam me indicar sites sérios onde os alunos possam pesquisar origem, fundação, doutrina, ritos, etc.? Muito obrigada!!



Resposta:
Prezada professora Irmã Carolina Mureb, louvando sua iniciativa, será fundamental para nós sabermos que suas aulas são pautadas na história das religiões, numa vertente cultural, em respeito ao estado laico de direito e à diversidade religiosa do país, do mundo e que se reflete nas nossas salas aula. / - / No sentido de contribuir com o seminário dos/as alunos/as do Ensino Médio, incluindo o Candomblé e a Umbanda, (1) sugerimos que você consulte alguma organização de sua cidade e que pudesse contatar um/a palestrante que colocasse os fundamentos filosóficos e culturais das religiões de matrizes africanas para que alunos e alunas tivessem uma visão mais abrangente. (2) Sobre sites sérios onde os alunos poderão pesquisar, talvez fosse melhor a indicação de textos onde possam encontrar os dados necessários. / - / Vale anotar que as religiões de matrizes africanas estão intrinsecamente relacionadas à Cultura dos povos do continente africano. Assim, de início, indico algumas respostas que já foram colocadas neste mesmo Afrodescendentes Online de Amai-vos: "Quais as culturas afro no Brasil?", em >http://amaivos.uol.com.br/amaivos09/servicos/faq_resposta.asp?cod_pergunta=2847&cod_canal=69< / - / "Quais as diferenças entre candomblé e umbanda?", em >http://amaivos.uol.com.br/amaivos09/servicos/faq_resposta.asp?cod_pergunta=2324&cod_canal=69< / - / Outro material importante, ainda em Amai-vos, é o texto "As Religiões de Matrizes Africanas e a Família" que pode ser acessado no link >http://direto.amaivos.com.br/amaivos09/noticia/noticia.asp?cod_noticia=15780&cod_canal=71< / - / (3) Os textos indicados a seguir são de pesquisadores, conforme poderá ser constatado nas referências de cada autor/a. (3-a) "Candomblé", por Maria Alice Pereira da Silva - >http://www.veracidade.salvador.ba.gov.br/v5/pdf5Cartigo6.pdf< / - / (3-b) "O Candomblé e o Poder Feminino", por Teresinha Bernardo >http://www.pucsp.br/rever/rv2_2005/p_bernardo.pdf< / - / (3-c) "O Brasil com axé: candomblé e umbanda no mercado religioso", por Reginaldo Prandi >http://www.scielo.br/pdf/ea/v18n52/a15v1852.pdf< / - / (3-d) "Cultura e Conhecimento em Terreiros de Candomblé", por Stela Guedes Caputo e Mailsa Passos >http://www.curriculosemfronteiras.org/vol7iss2articles/caputo-passos.pdf< / - / (3-e) "O Candomblé e o Tempo. Concepções de tempo, saber e autoridade da África para as religiões afro-brasileiras", por Reginaldo Prandi > http://www.scielo.br/pdf/rbcsoc/v16n47/7719.pdf< (3-f) O site "O Candomblé", em >http://ocandomble.wordpress.com< contém importante material de consulta, trantando também das Ervas, dos Orixás, com um pequeno Vocabulário da nação Ketu, da língua Yorubá além de contar como nasceu o Candomblé, na aba superior "O Candomblé" / - / No caso de precisar de mais, retorne, por este mesmo canal de comunicação. / - / Caso queira entrar em contato com alguma organização em sua cidade e não tenha conhecimento, podemos cooperar, verificando alguma coirmã, em sua região. Basta que especifique em que estado, município e bairro sua escola está localizada. Estamos ao dispor. Com nossos cumprimentos. Saudações, Ana